terça-feira, 23 de setembro de 2014

ETERNO SEDUTOR



No dia em que eu puder sentir
Esse teu cheiro embriagador
Sem reservas sei que vou sorrir
Diante de ti meu eterno sedutor

Nesse dia beberei todo o teu amor
Exultando de extrema felicidade
Sentirei teu fremir enlouquecedor
E juntos vibraremos na morosidade

Terás meu corpo como teu reduto
Sem receios de o estar profanando
Nos amaremos com amor absoluto
E sentindo que não estamos sonhando

E juntos daremos vazão a esta paixão
Que no hoje quase me fez enlouquecer
E o que ditará o meu e o teu coração
Será o de nos realizarmos sem nada temer

E nem mesmo o céu em todo seu esplendor
Ofuscará esse brilho mesmo que fulgural
Pois o que encerra esse nosso amor
Pra mim nada na terra será maior ou igual

Nenhum comentário:

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios