terça-feira, 23 de setembro de 2014

AMAR! .APENAS AMAR...

https://ssl.gstatic.com/ui/v1/icons/mail/images/cleardot.gif
 https://ssl.gstatic.com/ui/v1/icons/mail/images/cleardot.gif


O que será que estou pensando nesse momento?
Nem eu mesma sei... Talvez despir-me de preconceitos
Abraçar o que me cause estranheza, por que não
Olhar em volta e prestar mais atenção ao que olho
e talvez nunca vejo... Esquecer religião e preceitos
Amar, apenas amar ao meu próximo,e nem falo de irmão

Andar por sobre as sobras de qualquer sonho
Sem medo de ter novamente os pés feridos
Não falar apenas de ilusão ou amor perdido
Nem dar espaço aos versos que componho
Continuar sonhando com um amor proibido
E não se assustar por períodos medonhos

Abraçar a saudade sem receios, apenas saudosa
Amar a tudo que tenha vida sem me culpar
Sentir o perfume de cada brisa a me acariciar
Apenas desejando o florir de um novo porvir
Alcançar o que o pensamento me faz lembrar
E ficar preparada esperando esse louco sentir

Sentir todos os encantos de cada anoitecer
O palpitar do coração afogueado pela saudade
Continuar desejando esse meu louco querer
Abraçando sem medo cada lance dessa idade
Amar com sinceridade a tudo e todos sem distinção
E esperar ansiosa pela realização da nossa felicidade


O que será que estou pensando nesse momento?
Nem eu mesma sei... Talvez despir-me de preconceitos
Abraçar o que me cause estranheza, por que não
Olhar em volta e prestar mais atenção ao que olho
e talvez nunca vejo... Esquecer religião e preceitos
Amar, apenas amar ao meu próximo,e nem falo de irmão

Andar por sobre as sobras de qualquer sonho
Sem medo de ter novamente os pés feridos
Não falar apenas de ilusão ou amor perdido
Nem dar espaço aos versos que componho
Continuar sonhando com um amor proibido
E não se assustar por períodos medonhos

Abraçar a saudade sem receios, apenas saudosa
Amar a tudo que tenha vida sem me culpar
Sentir o perfume de cada brisa a me acariciar
Apenas desejando o florir de um novo porvir
Alcançar o que o pensamento me faz lembrar
E ficar preparada esperando esse louco sentir

Sentir todos os encantos de cada anoitecer
O palpitar do coração afogueado pela saudade
Continuar desejando esse meu louco querer
Abraçando sem medo cada lance dessa idade
Amar com sinceridade a tudo e todos sem distinção
E esperar ansiosa pela realização da nossa felicidade

Nenhum comentário:

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios