sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Providencial Esperança


Foi numa linda noite de luar
Que eu estava na vida pensando
Foi quando ouvi algo murmurar
Nunca te deixarei me esperando

Sempre estarei completa ao teu lado
Não importando em qual situação
Terei teus segredos bem guardados
E também farei parte da tua emoção

Estarei sempre na tua vontade de viver
E também nas tuas inesperadas alegrias
Comigo em momento algum irás te perder
Sou a certeza do surgir de cada novo dia

Serei sempre tua companheira e amiga
Se me permitires nunca te deixarei
Mas não depende só de mim adoçar tua vida
É preciso que hajas, que minha parte farei

Sou eu a providencial esperança
Sou eu que nunca posso te faltar
Sem mim se vai também a confiança
E ficarás sem motivos para lutar

Nunca queiras me tirar da tua vida
Por mais difícil que tudo possa parecer
Mas sou eu o balsamo para tuas feridas
Só eu tenho dado coragem no teu viver

Nisso uma paz suave tomou conta de mim
E senti uma leve brisa me acariciando
Então eu me senti pronta para a luta sim
Pois algo especial estava me acompanhando

E sorrindo satisfeita e convencida
De que eu nunca deixaria de lutar
Tendo a alma assim, rejuvenescida
E muita esperança no meu caminhar

Nenhum comentário:

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios