quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

UM OUTRO OLHAR


Hoje meu dia começou muito saudoso
Dessas saudades que, a alma fazem bem
Saudades de mulher, quase só e carente
Saudades dessa mulher criança também

Nesse sorriso quase perfeito
A felicidade sempre a espocar
Hoje a alegria que se manifesta
Já a vejo com um outro olhar

Ai! que saudades tão boa de sentir
Saudades de algo que se perdeu no tempo
Embora para o momento, um algo a mais
Tenho certeza não será levado pelo vento

Vento que as vezes vem e sempre espalha
O que em vão tentamos de alguma forma reter
Mas o vento que quero e venho sentindo
Esse apenas me traz um novo alento... Você

2 comentários:

Ma Ferreira disse...

Lindo seu poema..

A saudade tras lagrima mas traz tambem alegria,


Um bj...

C. Dorothy disse...

ESTOU ME DELICIANDO COM TE LIVRO MINHA LINDA... ÉS MUITO SENSÍVEL NO QUE ESCREVES...GOSTEI MUITO DO POEMA FINGIMENTO...E UM OUTRO OLHAR, POSTADO AQUI É MUITO LINDO...SAUDADES AMIGA, BEIJOS E FICA BEM...TE AMO!!!

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios