terça-feira, 19 de outubro de 2010

Imaginem


O que mais fazemos na vida
Sem dúvida nenhuma é murmurar
As vezes por razões descabidas
Mas sempre estamos a reclamar

Nunca paramos pra prestar atenção
Para o que acontece ao nosso redor
Temos sempre fechado o coração
Sem pensar que poderia ser pior

E se parássemos para tentar observar
Algo que realmente nos fizesse entender
Que um alguém pode estar de nós a precisar
Basta que liberemos o coração para ele ver

Mas o egoísmo sempre fala mais alto
E não adianta desculpas querer arranjar
O que temos na verdade é um coração ingrato
Achando que somente nós podemos precisar

Imaginem se Deus fosse assim como nós
Dificilmente conseguiríamos vitória
Mas Ele é um Ser que não nos deixa sós
Não importando o enredo da nossa história

Bendito seja todo aquele que connsegue
Alcançar de Deus a sua misericórdia
Pois se há algo que o mal nunca se atreve
É desafiar o grande clarão da glória

Nenhum comentário:

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios