domingo, 24 de outubro de 2010

Dentro De Mim



O que será que estás fazendo
Agora nesse momento
Tão distante de mim?

Como será que passas teus dias?
Provavelmente em constantes alegrias
Sem sequer lembrar de mim...

Ou talvez teu pensamento me procura
Aí sentes então na boca uma amargura
Despertando saudades de mim...

Ou ainda quando na madrugada
Despertando para o amor tens a alma calada
Relembrando quando tinhas a mim...

Só que isso não importa para a minha solidão
Pois o que guardo no profundo do meu coração
É algo que ainda fala alto dentro de mim...

E tanto os teus dias quanto os meus
Só mesmo para nós que essa história viveu
Entendemos... Meus dias sem ti e teus dias sem mim...

Nenhum comentário:

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios