quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Reencontro



Foram vinte e seis anos de ausência
E um certo vazio em suas vidas predominou
Houve momentos que viveram de aparências
Mas hoje porém, isto finalmente terminou

Tiveram suas almas invadidas pela emoção
E aquele certo vazio se fez sem sentido
A felicidade por fim jorrava de cada coração
Agora aquele amor não mais seria perdido

Sentimentos se atropelam nesse momento
Mas prevalece o mais forte e puro,o do amor
Só quem poderia entender esses sentimentos
Era aqueles que haviam partilhado dessa dor

Dor de uma separação sem nenhum cálculo
Mas o amor paternal lutou e se sobrepôs
E enfrentando e vencendo tantos obstáculos
Pôs um final no antes, ansiando só o depois

Eis que finalmente havia chegado o grande dia
A esperança e o amor vencera todas as dificuldades
E para que fosse realmente completa tamanha alegria
Tudo acontecera num momento de perfeita maturidade

São pensamentos e sentimentos que se encaixam
E aumenta a vontade agora de bem mais sonhar
São almas que agora livres cantam e se abraçam
Curtindo esse reencontro que o destino os fez esperar

Um comentário:

Peace disse...

Inspirador... Como todos. Como sempre. Todas as linhas refletem algo vivo, chamado sentimento. Perfeito.

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios