quarta-feira, 17 de novembro de 2010

O Tempo Com O Tempo


Nada parece de verdade me importar
A cada passo que na vida tenho dado
E pouco eu tenho conseguido falar
E nem sei por onde tenho caminhado

E a cada momento que por mim passa
Vai ficando mais difícil entender
Pois por mais que eu ainda faça
Nunca o faço realmente por querer

E todas as vezes que me pego pensando
Em tudo que nessa vida eu já passei
Confesso que eu sempre vou deixando
Vestígios daquilo que eu tanto amei

E já nada mais me importa agora
A solidão em minha alma já perdurou
E talvez essa nem seja mesmo a hora
Que o tempo com o tempo por mim marcou

Nenhum comentário:

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios