terça-feira, 2 de novembro de 2010

O Que Se Perdeu


A noite já vai alta num céu estrelado
E a madrugada já se aproxima tão fria
Eu nem sei se nesse momento estás acordado
Só sei que por nós envolvo-me em melancolia

E sou invadida por uma grande nostalgia
E os meus braços gélidos se cruzam sem dó
Há muito esqueci o que seja verdadeira alegria
Desde aquela manhã em que fiquei completamente só

E muitas manhãs já se passaram desde então
Me restou apenas os abraços das frias madrugadas
Deixei que o desamor fizesse morada em meu oração
Minhas noites escureceram, não são mais estreladas

No alpendre da vida eu calmamente me recostei
As vezes ainda sinto a brisa me tocando
Com a sua ausência tudo o que eu ganhei
Foi mais liberdade para continuar sonhando

E um dia eu bem sei que nós ainda teremos
Uma chance de algumas coisas entre nós esclarecer
Mas eu também sei que tudo o que nós faremos
Será lamentarmos o que se perdeu entre eu e você

Nenhum comentário:

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios