domingo, 11 de março de 2012

Fingir Ou Mascarar





Cheguei já faz algum tempo
Mas não me senti muito bem
Nem mesmo as carícias do vento
Deixou-me feliz também

Alguma coisa diferente...Eu mesma notei
Falta-me algo, falta, e eu já sei o que
Confesso que nisso eu nunca pensei
É que está faltando pra mim... Você

Aqui já não tem a mesma paz
Incomoda sentir-me assim
A tua ausência, tristeza me traz
Preciso mais de você junto a mim

Engraçado como a vida nos trata
Eu pensei que isto não acontecesse
Mas essa solidão me é muito ingrata
E eu queria que isso você entendesse

Eu queria te sentir mais livre
E pudéssemos algo mais partilhar
Mas as amarras infelizmente existe
E é preciso fingir... Ou mascarar

Como eu queria poder sentir
Tuas mãos às minhas entrelaçadas
Teus braços num suave fremir
E tua boca à minha colada

Deitarmos e juntos ficarmos
Aconchegados num suave prazer
Sentir teu corpo ao meu pressionado
E simplesmente me chegar mais a você

Esquecer qualquer coisa que fosse ruim
Apenas tocá-lo e sua ternura sentir
Sabê-lo ali... Somente pra mim
Sem nada que esse momento pudesse destruir

Eu te quero mesmo assim... Só pra olhá-lo
Poder te tocar, mesmo na simplicidade
Carinhosamente poder abraçá-lo
Esquecendo toda e qualquer vaidade

Somente pelo simples prazer te tocá-lo
Sentir seu corpo, mesmo repousando
De leve ainda poder acariciá-lo
Sem precisar de todos estar ocultando

Nenhum comentário:

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios