segunda-feira, 27 de outubro de 2008

À Patrícia Tieko


A vida tem nos mostrado tantos mistérios
Que na maioria das vezes nem compreendemos
Tudo querer saber se torna até sacrilégio
Na verdade não importa se pouco sabemos

Por obra creio eu do grande destino
Algo intessante comigo aconteceu
Eu acredito ter sido plano divino
Mas foi algo que comigo muito mexeu

Foi numa certa manhã que tudo começou
Quando meu e-mail eu fui então abrir
E uma mensagem minha atenção chamou
Era simples, tão simples como um sorrir

O interessante dessa história toda
Essa pessoa eu parecia já conhecer
Não sei explicar, eu parecia boba
E meus problemas eu já podia esquecer

Patrícia Tieko, o nome da jovem é esse
Que entrou esta manhã em contato comigo
Por Deus, talvez eu nem tanto merecesse
Para ser colocada no seu rol de amigos

E por ela logo senti uma enorme afeição
Por essa jovem que me pareceu carente
De carinho logo se encheu meu coração
E foi com certeza do destino um presente

Eu não sei bem o que contigo se passa
Mas nas entrelinhas sempre se pode ler
Um misto de sonhos e desejos que ultrapassa
Receios do amanhã que cautelosa pareces temer

Mas com certeza um dia você também conheceu
Momentos de alegria e também muita emoção
E o sofrimento tuas experiências enriqueceu
A prova disso são as cicatrizes em teu coração

Eu gostaria muito de um dia quem sabe
De poder pessoalmente vir a te conhecer
Mas por ora com o crescer da nossa amizade
Só terei que muitíssimo a Deus agradecer

Olha Patrícia Deus sempre sabe o que faz
E nós com certeza nunca do que falamos
Mas te conhecer muita alegria me traz
Pois coisas boas da vida é o que desejamos

E saber que você agora está fazendo parte
Desse meu mundo criado de modo inseguro
E para você nesse momento quero desejar-te
Um mundo melhor e com um lindo futuro

Que a paz de Deus presente sempre esteja
Na vida dos teus e claro na tua também
E acredite nem sempre são más as surpresas
As vezes ela nos transporta um pouco além

Nos dando um pouco mais de segurança
Nos fazendo também um pouco refletir
As vezes o destino nos traz mudanças
Que tentamos sem perceber dela fugir

Gostaria muito de em breve quem sabe
Me dizeres que estás feliz finalmente
Mas por enquanto por essa nossa amizade
Eu agradeço a Deus e a você simplesmente

Nenhum comentário:

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios