sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Anseio




A brisa suave que me toca calidamente
Nesta ensolarada manhã
Me transporta para inesquecíveis
Momentos
Que atoordoam ma minha mente
Enlouquecendo a minha alma
Já tão saudosa de um nós...
São momentos eternos,
Abrasadores
Loucos em sua essência maior.
Estou perdida... como tantos
Que se perderam
Na estranha euforia de sentir-se
Talvez, um pouco menos infeliz...
Se ao menos ao fechar meus olhos
Eu pudesse sentir e viver
Cada gesto, cada toque
Sem precisar temer
O que não veio
Por falta do que não chegou
Ah! se esta brisa tomasse forma
E me tomasse para si
Mitigando esse desejo louco
Que insiste em me perseguir

Nenhum comentário:

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios