quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Ainda Ouso


Eu quero deixar bem esclarecido
O que nesse momento estou a escrever
Eu sei que muitas coisas na vida
Eu tenho conseguido
Mas infelizmente ainda não aconteceu
De lhe esquecer

E embora isso muito me doa
Afirmo com muita sinceridade
Que podes ficar tranquilo
Pois nessa vida,não mais me magoas
E nem pretendo invadir tua privacidade

Já tenho da vida as muitas mágoas
Hoje só quero o meu mundo pra viver
Não importando por baixo de qual ponte
Vão rolar as muitas águas
Pois nesse meu mundo
Vivo bem Só pensando em você

Então nada de se preocupar comigo
Ou qualquer alguma reação
Que um dia eu possa vir a ter
Pois apenas no recôndito do meu coração
Guardo os melhores segredos de mim e você

Portanto me esqueçam e meu meu nome silencia
Nada quero de você nessa vida
Deixem-me só com a minha agonia
Pois só em sonhos e pensamentos
Eu ainda ouso ser atrevida...
Mesmo que na vida eu pouco tenha conseguido
Já que nem mesmo tenho afugentado
Minhas falsas alegrias

Nenhum comentário:

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios