sábado, 5 de maio de 2012

EMBRIAGADORA ESSÊNCIA





Hoje eu pensei muito em ti
E ontem chorei a tua ausência
É que nunca mais eu pude sentir
A tua embriagadora essência


Ah! se pudesses ver como estou
Tão mergulhada em tuas lembranças
Lembranças que em mim  ficou
E que ainda me dá esperanças


Esperanças de ainda te ver voltar
E ouvi-lo dizer que foi difícil sem mim
Sentir as tuas mãos ousadas a me tocar
E mergulharmos nessa loucura sem fim


Entre meus seios senti-lo repousar
Depois do cansaço que em ti se abater
Após senti-lo com avidez me amar
E ouvi-lo dizer que não dá pra me esquecer


Ah! como preciso te ouvir pronunciar
Meu nome com voluptuosa paixão
Sentir a tua boca sôfrega, a minha beijar
E ficarmos a nos amar até a exaustão


Quisera que no meu amanhã acontecesse
Dos meus lúbricos sonhos eu ver se realizando
Bastava que  de repente aqui aparecesses
Para esses momentos eu ver acontecendo 

Nenhum comentário:

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios