domingo, 26 de junho de 2011

Ninguém Entende


Não posso deixar meu o sentimento morrer
Mesmo que o tempo insista em faze-lo minguar
Mas eu sei que sempre que eu pensar em você
O meu amor como sempre... A crescer voltará

E dele morrer um dia eu jamais terei medo
Pois isto é algo que nunca irá acontecer
E pelo que sinto eu até muito me atrevo
Que é este amor que eu sinto por você

E não me importa o tempo que venha a passar
Pois a saudade manterá vivo esse amor
Eu sinto que esse sentimento nunca vai acabar
Mesmo que para mim, ele hoje só represente dor

Eu sei que ninguém entende o meu dilema
Por nada, desse amor posso me queixar
Ainda mais que eu tenho comigo como lema
A certeza que você não deixou de me amar

Nenhum comentário:

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios