segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Só A Você


Tenho vivido num martírio tão infeliz
Onde meu tormento mais se aprofunda
E são os meus soluços que ainda me diz
Onde a dor mais fere e também abunda

E quando diante do crepúsculo
Sinto-me envolvida pela melancolia
E agarrando-me à esperança busco
Dentro da alma um pouco de alegria

Querendo quem sabe também despertar
Ansiando por um novo e justo alvorecer
E é quando posso ouvir meu coração falar
De um lindo e especial momento que é você

E um suave encanto aos poucos me surge
E em meio a essa tão profunda nostalgia
Eu sinto que é o seu amor que me ressurge
E posso afirmar que é tudo o que eu queria

E logo o meu sorriso reaparece perfeito
Pois mais uma vez a vida me faz entender
Que todo amor que trago em meu peito
Somente a você poderá para sempre pertencer

Nenhum comentário:

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios