terça-feira, 27 de outubro de 2009

Uma Boa Amizade


Acontecem tantas coisas na vida
Que me faz de muitas outras duvidar
Mas uma boa amizade, assim sentida
Penso que deve para sempre perdurar

Não sei se as varias facetas da vida
Ou mesmo determinadas incompreensões
Talvez a falta de tempo pelas grandes lidas
Mas seja qual for o motivo, angustia corações

Nos tempos, há bastante idos
Havia sempre tempo e situações
Hoje já não restam nem fúteis motivos
Nenhum que seja, nem mesmo emoções

Emoções que possam ser partilhadas
Não importando de quem seria
Bastando ter a amizade preservada
Deixando fluir essa grande magia

Mas um dia julguei que essa nossa amizade
Nunca seria por nenhum de nós abalada
E mesmo que os anos passassem, nunca a idade
Faria essa amizade ser ao esquecimento relegada

Mas esquecemos que a tribulação do dia a dia
Põe à prova todo e qualquer sentimento
E não foi diferente com toda a linda magia
Que se traduzia nesse nosso envolvimento...

Envolvimento sempre tão puro e perfeito
Que requer uma grande e sincera amizade
Amizade onde prevalece o mútuo respeito
E nessa amizade uma sincera fidelidade

Mas hoje... Quando a labuta fala tão alto e feroz
O nosso presente esquecido me parece tão passado
Que o nosso passado tão presente dentro de nós
Será devias, por nós dois muito mais lembrado

E muitos outros momento se farão de ausência
Mas o esquecimento entre nós não deve permanecer
Pois não terei por muito mais tempo tanta paciência
Que eu não me atreva ir buscar um pouco de você

Nenhum comentário:

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios