domingo, 18 de outubro de 2009

Noites Mal dormidas




Foram tantas noites mal dormidas
Perdidas... jogadas fora
Mas foi no meio dessas idas e vindas
Que resultou no que sou agora

Foram tantos momentos de anseios
De incertezas e também de medos
Sempre buscando por qualquer meio
Mas que hoje não mais me atrevo

E durante anos me fiz forte
E meus desejos aprendi a ocultar
Mas também tive momentos de sorte
Dos quais já nem sei se devo lembrar

Mas hoje, parece que finalmente
Um certo desejo já o tenho realizado
Mas bem sei que só com o tempo,certamente
Terei as frustrações e os medos enterrados

Porém para agora, poderei dizer
Que muito ainda tenho por realizar
Isto, se o Criador assim me permitir viver
Até lá não sei qual terei que sepultar

Se meus sonhos que ainda faltam concretizar
Ou se a vida terá chegado seu instante final
Seja qual for a situação que eu me encontrar
Terei por certo que algum sonho meu foi real

Nenhum comentário:

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios