sexta-feira, 30 de julho de 2010

Ainda Perdura


Minha memória ultimamente tem falhado
E há coisas que nem sempre consigo lembrar
Mas tudo o que tenho no peito guardado
Da minha memória eu não consigo apagar

As vezes quando eu estou pensando
Em tudo aquilo que tanto me fez sofrer
Sinto como essa dor vai aumentando
Ao lembrar de tudo que guardei de você

E mesmo não querendo ser assim
E desejosa de tanto mal esquecer
Eu sofro pois vejo que tudo enfim
Será insuficiente se só penso em você

E os anos vão passando e me fazendo ver
Que muita mágoa em mim ainda perdura
E sei que não vai adiantar nunca eu querer
Tirar da minha alma tanta dor e amargura

Nenhum comentário:

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios