segunda-feira, 9 de maio de 2016

À MINHA QUERIDA JOSIETE


Pela nossa caminhada, muita vezes tão árdua
Encontramos pessoas que são na verdade anjos
Nos dão amor... Nos transmitem sobretudo paz
Transformando nossas tristezas em encantos
Nos mostrando razões que desconhecemos
Nos preenchendo de alegrias que carecemos
Nos dando a chance de reaver o que perdemos
E se fazem presença quando mais necessitamos

Assim tem sido a minha bondosa Josiete  
Um anjo que Deus bondosamente nos deu 
Uma mulher que  com amor suaviza nossa dor
Nos fazendo sentir da esperança o apogeu
Pois entende que um coração de bondade
É o tudo que precisamos nessas horas de ansiedade
Onde a vida nos tem marcado independente de idade
Mas foi esse  o fardo que a vida um dia nos concedeu

Bendita seja você minha amada menina Josiete
Que com amor nos mostra que devemos prosseguir
Nunca devemos nos sentir inquietos ou amargurados
Antes temos que ter forças e assim podermos reagir
Mas acredite meu lindo anjo em forma de mulher
Bem sei que é difícil, mas não impossível quando se quer
Com você aprendi que não há dificuldades se a gente souber
Dar valor a tudo que a vida nos traz...E pra tudo apenas sorrir

Essa foi a forma que me chegou para lhe agradecer
Pois bem sei que eu, Georgete, as vezes muito triste estou 
Mas entendo que és o anjo que Deus por bondade me deu
E o seu sorriso e esse doce olhar que um dia me conquistou
Me faz pedir em minhas humildes e fervorosas orações 
Que Deus a abençoe e que sejam sempre felizes suas emoçoes
E do meu carinho e admiração surjam as mais fortes razões
Para que prossigas nessa missão que lhe deu o meu Senhor

Nenhum comentário:

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios