domingo, 27 de setembro de 2009

Como Agradeço


Eis que uma brisa sopra suave
Limpando tudo em derredor
Ela chega bem de mansinho
Tornando o pequeno maior
Escutaram meus gritos de apelo
E o destino com grande desvelo
Mostrou-me com apurado zelo
Que mais uma vez não estou só

E sinto em meio a essas derivas
Que meu grito se fez ouvir
Ningém deve parar um destino
Que Deus resolveu permitir
E triste vi passar muitas primaveras
Mas contiuei esperando por essa quimera
Pois para quem não desiste e sempre espera
Chega também o dia de Deus agir

Bendita seja cada uma dessas mãos
Que com carinho para mim se estendeu
Decidiram lutar comigo por este sonho,
E a ele prontamente, um a um socorreu.
Que se perpetue essa alegria
Pois foi nessa perfeita harmonia
Que essa corrente se fazia
Mostrando que meu sonho não morreu

Obrigada a todos,

Gel,Amarília Couto, Loloy, Tio Dedé e Fia, Mauro, Gorete, Lulu, Dida,
Umberto, Nathália, Edson, Nathalie, Bóris, Fanny, Nilza, Izabel, Ciro,
Severino(Biu), Cínthya, Danniele, Fabinho, Sr. Texeira, Cristiano, Sr. Maia,
Sóstenes, Moisés, Karen, Adeilson, Ahsley, Carlinhos, Andrey, Karla,
Kellen, Ernandes Jr, Elineide, João, Judite, Elaine, Joel, Ravena, Mayara,
Bárbara, Janayna, Zelma, Murilo, Marinalva, Carolina, Danilo, Generosa e
Sr. Carlos, Nando, Fábio Henrique.

Um comentário:

Audrey disse...

AMEIIII!!!!

LINDAAAAAAA!!!!!