quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

AINDA TEREMOS


Hoje minha alma em dado momento me confidenciou
Que o brilho encantador refletido em meu olhar
É o mesmo despertado pela maravilha do teu amor
Quando por ti eu simplesmente me deixei encantar
Os nossos mais belos momentos retenho na mente
E estes tornaram-se inesquecíveis, posso assim dizer
E percebo que não há nada que eu sinta ou mesmo pense
Que me faça mesmo por um instante sequer te esquecer
Sem pensar em nada, invadisses minha alma e meu espaço
E passaste então a fazer parte da rotina do meu dia a dia
E quase sem sentir, fui envolvida em teu imaginário abraço
E me vi completamente envolta num mundo de fantasias
Aos poucos me deixei seduzir pela tua encantadora voz
Teus pensar encontrou eco dentro da minha alma
Por muitas madrugadas busquei o que havia de nós
Na força desse sentimento que devolveu-me a calma
Bem sei que muitos sonhos ainda terei para sonhar por nós
Mesmo que estes se firmem apenas em meus pensamentos
E qualquer que seja a razão contrária que persista em vós
Ainda teremos como nosso arcano grandes momentos...

2 comentários:

SOL da Esteva disse...

É raro encontrar-se um Poema que tenha ideia e Poesia, juntos.
Encontro tal e dou-te os meus Parabéns.
É delicioso poderem sentir-se palavras e versos "musicados" pela rima. Isto, Amiga, é de verdadeiro Poeta, dos Poetas que tanto faltam na vastidão dos Blogues.


Beijos


SOL

Gil Ordonio disse...

Me sinto lisonjeada ante vosso comentário menino Sol da Esteva. Obrigada.
Beijos

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios