quarta-feira, 22 de julho de 2009

Minha Alegria


Esses dias tem chovido bastante
Muitas vezes chove sem parar
E em meio a essas águas abundantes
Penso que por hora o verão não tem lugar

As vezes as tardes se tornam muito tristes
E é quando a solidão parece até adivinhar
Já que nada acontece e também nada existe
Que possa estes meus momentos um pouco alegrar

E mergulhada nesses pensamentos tão perdidos
Busco alguma razão que possa enfim completar
Esse meu langoroso dia que já vai quase findo
E que possa de alguma forma esse tédio acabar

E sempre receando no tempo perder-me
Te encontrar seria uma grande solução
Mas se fazes então por bem esquecer-me
Perco então a alegria do meu coração

Nenhum comentário:

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios