quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013


À menina polly

Esse era realmente um dia muito especial
Data que não podia passar despercebida
Pois a Polly, menina de jeitinho tão angelical
Estava a completar mais um ano de vida

E comecei a pensar no tempo em que a conheci
Com seus modos delicados e olhar tímido.
E foram nesses momentos que muitas vezes senti
O quanto de valor ela tinha naquele jeito inibido

Perdoe-me polly, a forma que uso para me desculpar
Por não tê-la cumprimentado na citada ocasião
Sem demonstrar meu carinho ao não lhe parabenizar
Mas hoje o faço, com todo carinho e amor do meu coração

Me retrato desse esquecimento de imerecida desculpas
Mas que em nada diminui por ti o meu bem querer
Embora saiba não ser esta a forma habitual que se usa
Para desejar felicidades e muitos anos de vida para você

Nenhum comentário:

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios